BANCADA DIRECTA: Tempos de Natal. Tempos de frios, ventos e neves nas terras altas. Acendem-se as lareiras para se aquecerem os corpos e levantar os espiritos. Mas o AMOR estará sempre presente no seio das familias que se reunem para celebrar o seu Natal

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Tempos de Natal. Tempos de frios, ventos e neves nas terras altas. Acendem-se as lareiras para se aquecerem os corpos e levantar os espiritos. Mas o AMOR estará sempre presente no seio das familias que se reunem para celebrar o seu Natal

Tempos de Natal.
Tempos de frios, ventos e neves nas terras altas.
Acendem-se as lareiras para se aquecerem os corpos e levantar os espiritos.
Mas o AMOR estará sempre presente no seio das familias que se reunem para celebrar o seu Natal

O amor

Escreve a Drª Magda Roma


O amor é a Lei universal. É o que se move, é o que faz ter vontade de lutar e desafiar-se todos os dias. Amor a si, amor aos seus, amor ao seu trabalho, amor aos outros. Será sempre o amor

Ame o seu pai, ame a sua mãe. Se não tiver nem mãe e nem pai, ame-os na mesma pois eles estão no seu coração. Eles estão consigo. Feche os olhos e procure-os no seu coração. Eles estarão aí logo e então ame-os de verdade.

Ame o seu trabalho. Ele é o que lhe proporciona o seu crescimento e desenvolvimento. Ele é quem lhe deu a oportunidade de conhecer outras pessoas, pessoas que lhe querem bem e que o amam também e pessoas não tão boas, que por algum motivo se cruzam na sua vida para lhe ensinar algo, nem que seja a perdoar e o perdão é AMOR

Perdoe…… O dom do perdão é o que nos eleva e nos enche o coração. No lugar do rancor semeie amor. Como se de uma flor se tratasse. Semei o amor e deixe-o crescer

Perdoe-se

Perdoe-se por não ter sido um bom filho ou filha, um bom esposo ou esposa, um bom pai ou mãe, um bom amigo ou amiga. Só quando se perdoar será possível perdoar aos outros e ter e dar amor. Olhe para dentro e sinta o que está dentro de si. Se não for amor, então reflicta, resiolva e ame
Estamos na época do ano em quwe mais se fala de amor. Aquele calor que lhe enche o coração, que faz semtir-se bem, sentir-se que é um elemento que pertence a uma familia. Costuma dizer-se que não se escolhe a familia, mas que teremos de a aceitar, no entanto, sejam quais forem os problemas no seio dessa familia.

Esses problemas devem ser resolvidos e não esquecidos nestes dias. Esta é uma quadra, mas o que semeia nesta altura deve semear também ao longo do ano. Semear o calor, a paixão, a união e o amor Falta pouco mais de uma semana para se festejar o nascimernto daquele que nasceu para nos mostrar o que é o AMOR.

Viva estes dias, experiencie alterações em si e sinta dia a dia o seu coração a ficar livre e leve no lugar de uma expressão facial triste, desiludida ou de rancor e ódio substtitua por um breve ssorriso que se mantém ao longo do dia. Sorria com a boca, sorria com os olhos, sorria com o corpo e com o coração

Bem hajam

Magda Roma
Nota de Bancada Directa: Magda Roma é licenciada em Nutrição e Engenharia Alimentar pelo Instituto Superior de Ciências da Saúde Egas Moniz e pós-graduada em Saúde e Envelhecimento . A nivel de cidadã é uma pessoa muito querida das populações do Concelho de Mafra

Bom Natal para ti, Magda

Sem comentários:

Obrigado Pela Sua Visita !