BANCADA DIRECTA: Pelo menos o povo ainda tem alguém que vela por ele, apesar das iniquidades que andam à solta e das perspectivas negativas que eles ainda nos podem atacar com alternativas ainda mais gravosas

sábado, 16 de agosto de 2014

Pelo menos o povo ainda tem alguém que vela por ele, apesar das iniquidades que andam à solta e das perspectivas negativas que eles ainda nos podem atacar com alternativas ainda mais gravosas

Pelo menos o povo ainda tem alguém que vela por ele, apesar das iniquidades que andam à solta e das perspectivas negativas que eles ainda nos podem atacar com alternativas ainda mais gravosas. 

A pior maioria, o pior Governo e o pior PR, com a multidão de avençados, pelo medo e pelo suborno, entraram na marginalidade legal de que nem a chantagem os livrou. 

Quem jurou respeitar e fazer respeitar a CRP e se prestou a ser paquete do Governo que tem pela lei o respeito de Maomé pelo toucinho, usa as mesmas justificações para coagir o TC. 

Podem sentir saudades dos Tribunais Plenários mas os juízes de hoje mantêm um módico de decência que impede Portugal de aderir ao ordenamento jurídico do califado do Iraque. 

Quando se desrespeita a lei, ameaça-se quem a aplica; quando não se sabe para onde se navega culpa-se o vento; quando se chega ao Governo sem ter sido, pelo menos, vogal de Junta de Freguesia, é todo um povo que lamenta o voto que lhe confiou e esconjura a abstenção.

 Não sei se foi a nossa vocação suicida que nos levou a escolher o pior caminho que nos foi proposto sem se prever que seria percorrido pelos piores, e da pior maneira, quando a pior conjuntura internacional nos entrou pelo país.

1 comentário:

luis pessoa disse...

O problema é que o TC não tem "tomates" para tanta salada!
Os cortes de salários, aquilo que de mais sagrado há para que as pessoas possam organizar a sua vida, são LEGAIS até 2016?!!
Como é isso????
Matar um cidadão é legal até 31 de Dezembro de... Depois é crime!
Ou é, ou não é!
Este governo desde a campanha eleitoral que apregoava que tinha soluções, que os cidadãos estavam a ser "mortos" pelos impostos, que o Sócrates queria cortar salários e subsídios e não sei que mais.
Depois, uma vez no poleiro, foi o que se viu e quando um TC deveria ter colocado este governo e seus capangas fora da lei, vem dizer que afinal é legítimo cortar nos rendimentos das pessoas?
E que alternativas apresenta para os milhares de pessoas que perderam as suas habitações para os bancos criminosos, por causa da perda de salários? NADA!
Cortar salários e cortar pensões é CLARAMENTE INCONSTITUCIONAL, queira o TC ou não! Tudo isto cheira a frete e isso é que é deprimente. O TC deveria, sem qualquer margem para erro, declarar ilegais todos os cortes porque nenhum cidadão tem que pagar por erros que não são seus, Depois o governo convidava as pessoas a doarem-lhe os seus salários. Tenho a certeza absoluta que TODOS os PSDs e CDSs lhe doariam a totalidade dos seus salários e subsídios, com orgulho e satisfação e assim resolveriam a crise, com todos aqueles que lhes deram o voto, sem chatear os outros.
E nem haveria desigualdades porque eram doados de forma voluntária!
Aliás, nem percebo como aquela gente que esteve na Quarteira e outra que não esteve mas queria estar, ainda não avançou com uma campanha dessas junto dos apoiantes e amigos deste governo, com o Cavaco incluído. Isso sim, seria militância!

Obrigado Pela Sua Visita !