BANCADA DIRECTA: Vamos esquecer hoje os cortes inevitaveis que por aí vêm sem apelo e nem agravo. Vamos ouvir um Halleluia formidavel cantado pelo Padre Ray Kelly, irlandês, num casamento

terça-feira, 15 de abril de 2014

Vamos esquecer hoje os cortes inevitaveis que por aí vêm sem apelo e nem agravo. Vamos ouvir um Halleluia formidavel cantado pelo Padre Ray Kelly, irlandês, num casamento

2 comentários:

Manuel Martins disse...

Formidavel...como podem vêr eu escrevo com muitos êrros estou depois de muito tempo fora de Portugal,foi por azar que descobri o vosso blog muito bem feito, o qual hei-de vir vêr muitas mais vêzes,Nâo sou religioso;mas está feito com muito amor.Chapeau

Adriano Ribeiro disse...

Caro Manuel Martins
Obrigado por nos ter lido. Espero que continue.
Aqui a religião não interessa. O que vale é a intenção de uma pessoa ter dotes excepcionais para exteriorizar as mesmas e fazê-las em prol da comunidade.
Este Halleluia parte da criação de Leonard Cohen mas tem Haendel como fonte original
Curiosa a sua saudação "chapeau" que é muito usada em Bordeaux, naquela zona que vai até ao lago de Arcachon. Acertei?
Abraço
Adriano Rui Ribeiro

Obrigado Pela Sua Visita !