BANCADA DIRECTA: Isto é uma vergonha para o Governo. Um país com elementos das forças de segurança a terem dificuldades para sobreviver! E# muitos deles com as familias bem longe e a passarem fome. Confessaram-me!

sexta-feira, 7 de março de 2014

Isto é uma vergonha para o Governo. Um país com elementos das forças de segurança a terem dificuldades para sobreviver! E# muitos deles com as familias bem longe e a passarem fome. Confessaram-me!

 


 

Os profissionais das forças e serviços de segurança realizaram esta noite uma manifestação em Lisboa contra os cortes salariais, tendo 10 pessoas sofrido ferimentos.

Cerca das 20 horas começaram a chegar à zona em frente à Assembleia da República os primeiros manifestantes, e em menos de meia hora ocorreu o momento de maior tensão: os polícias derrubaram as barreiras metálicas de segurança instaladas no começo da escadaria que dá acesso ao Parlamento e forçaram a subida.

Estava dada primeira mensagem de força que os polícias que se manifestavam queriam dar, mas elementos da polícia de choque sustiveram o avanço dos contestatários, seguindo-se avanços e recuos de parte a parte. Em pouco tempo foi dado o aviso antes de uma carga policial que, caso os manifestantes ali ficassem, poderiam ser detidos, ameaça essa que não chegou a ser concretizada.

Cerca das 22 horas o Corpo de Intervenção da PSP formava um cordão de segurança que impediu o progresso dos manifestantes, até que cerca das 22.15 horas a multidão começou a dispersar.

Durante os maiores momentos de tensão registaram-se pelo menos dez feridos, incluindo três polícias, escreve o DN. Pelo menos um manifestante foi detido e outros dois foram identificados.

Dados ainda por confirmar dão conta de que cerca de 19 mil polícias participaram, como manifestantes, no protesto.

Sem comentários:

Obrigado Pela Sua Visita !