BANCADA DIRECTA: “Secção Policiário” do Jornal Publico e blogue “Crime Público”. Uma continuada lufada semanal de ar fresco para os policiaristas deste país. Luís Pessoa é o apreciado comandante destes dois espaços de literatura policial. Pela nossa parte endereçamos um “BEM HAJA” a este homem e que continue com a mesma garra e talento

terça-feira, 28 de maio de 2013

“Secção Policiário” do Jornal Publico e blogue “Crime Público”. Uma continuada lufada semanal de ar fresco para os policiaristas deste país. Luís Pessoa é o apreciado comandante destes dois espaços de literatura policial. Pela nossa parte endereçamos um “BEM HAJA” a este homem e que continue com a mesma garra e talento

“Secção Policiário” do Jornal Publico e blogue “Crime Público”. 

Uma continuada lufada semanal de ar fresco para os policiaristas deste país. 

Luís Pessoa é o apreciado comandante destes dois espaços de literatura policial. 

Pela nossa parte endereçamos um “BEM HAJA” a este homem e que continue com a mesma garra e talento 

Neste Domingo 2 de Junho em Sintra, com um almoço no restaurante “Taverna dos Trovadores”, vai realizar-se o IX Convivio Anual da Tertúlia Policiária da Liberdade 

 Luís Pessoa não vai estar presente fisicamente por motivos mais do que justificadíssimos. Mas é inegável que ele vai estar presente neste Convivio no nosso espirito. Ninguém mais do que ele tem lutado para manter acesa a chama da literatura policial neste país. 
Eu bem compreendo a sua luta em prol do policiário. Na véspera de ter falecido, no mesmo leito em que havia de nos deixar e rodeado dos seus livros e recordações, dizia-me o saudoso Sete de Espadas, que o Fidalgo era merecedor de todo o respeito e admiração de todos os confrades, porque era de uma vontade inquebrantável na continuada luta e defesa para manter o Policiário activo,  apesar de todas as dificuldades que tinha. E que o Inspector Fidalgo não era para muitos sorrisos,  mas era de um coração de ouro. E não tinha amigos preferidos, pois todos eram para ele seus amigos de forma igual. 

Tenho confirmado estas palavras do saudoso Sete de Espadas à medida que conheço melhor o Luís Pessoa, agora radicado na terra de minha mãe e familiares. 


Bem Haja Luís Pessoa

Ver a pagina do blogue Crime Publico desta semana clicando aqui

Sem comentários:

Obrigado Pela Sua Visita !