BANCADA DIRECTA: Ílhavo dá o exemplo. Bacalhau de boa cura e de boa qualidade só para quem ganha muito! Aqui no recém inaugurado Aquário dos Bacalhaus os pobres podem comer com os olhos belos exemplares

terça-feira, 15 de janeiro de 2013

Ílhavo dá o exemplo. Bacalhau de boa cura e de boa qualidade só para quem ganha muito! Aqui no recém inaugurado Aquário dos Bacalhaus os pobres podem comer com os olhos belos exemplares

Ílhavo dá o exemplo. 
Bacalhau de boa cura e de boa qualidade só para quem ganha muito! 
Aqui no recém inaugurado Aquário dos Bacalhaus os pobres podem comer com os olhos belos exemplares osteíctes

Ílhavo está de parabéns. 

Velha aspiração das gentes desta terra marinha teve agora a sua concretização. Está inaugurado o Aquário dos Bacalhaus. Os primeiros visitantes ficaram boquiabertos com a elegância natatória dos bacalhaus deslizando na água e nadando a seu belo prazer numa cadenciada e harmoniosa movimentação das suas barbatanas. 


Pronto! Bancada Directa já deu a noticia e agora espera-se que a afluência de visitantes justifique os fins a que se propuseram os ilhavenses. Lá nos Estados Unidos o mentor deste blogue deve estar muito satisfeito e qualquer dia cá o teremos para visitar o Aquário dos Bacalhaus. 

Costuma-se dizer que quando o Maomé não vai à montanha a montanha vem até ao Maomé. É o que se passa com este aquário: se o bacalhau de boa cura e de boa qualidade não chega à mesa dos pobres, então estes pobres podem vir até este local e comer com os olhos estes belos exemplares. 

 Será o futuro dos pobres deste país não haja duvida. Se falta comer em casa dos pobres a situação resolve-se comendo com os olhos o que se gosta e não se pode chegar lá quando se vai a um superfície comercial 


Pronto! Aqui está a nossa reflexão sobre uma eventual vantagem pratica do Aquário dos Bacalhaus de Ílhavo. E já agora porque não se pensa – claro para beneficio dos pobres que vão passar a comer com os olhos - criar-se um Museu dos Bifes subdividindo as secções especializadas para bovinos, caprinos e porcinos. A ideia tem pernas para andar. 


Repare-se  que a Cristas até deu muita importância e valor à criatividade do ovo estrelado congelado aquando inaugurou uma fabrica inerente em Pombal. 
Cá está: na altura do Natal há sempre falta de ovos. Havendo congelados acaba-se com esta lacuna do fornecimento devido à greve dos galináceos. Quantos e quantos pobres nos dias de hoje contentam-se apenas em comer um ovinho estrelado nas suas refeições diárias. Se os tiverem, claro! 

 Bifes (não por culpa da Jonet) e bacalhau viste-os

3 comentários:

Anónimo disse...

Os pobres deste país agradecem o conselho, mas a verdade é que já perdemos a vontade comer
Quando há faltas o melhor é esquecer que temos de sobreviver cmendo alguma coisa
Bifes e bacalhau nem pensar. Uma bucha barrada com banha de porco é que se come agora
Maria Feia

Anónimo disse...

Não concordo com a senhora ou menina
Para comer sempre se arranja alguma coisa
Zé Alves

Adriano Ribeiro disse...

Amigos

A chuva molhava meu rosto
Gelado e cansado
As ruas que a cidade tinha
Já eu percorrera

Pois é! Fado e bacalhau combinam muito bem! É preciso é ter jeito! Jeito para cantar o triste fado e jeito para arranjar "guito" para comprar o bacalhau

Abraço para o José e um beijinho para a Maria Feia (que me parece que a conheço)
Adriano Rui Ribeiro

Obrigado Pela Sua Visita !