BANCADA DIRECTA: O desemprego que nos aflige. É uma tragédia nacional e dá para perguntar: até onde estes números vão estabilizar?

sexta-feira, 1 de junho de 2012

O desemprego que nos aflige. É uma tragédia nacional e dá para perguntar: até onde estes números vão estabilizar?

Portugal continua a registar uma subida da taxa de desemprego, que em Abril se fixou nos 15,2 por cento, uma décima acima do mês anterior, tendo o desemprego jovem aumentado para os 36,3 por cento, revela o Eurostat. 


Enquanto a taxa de desemprego geral subiu apenas uma décima, e porque o gabinete oficial de estatísticas da UE reviu os valores de Março (15,1 por cento, quando antes estimara 15,3), já a taxa de desemprego entre os jovens com menos de 25 anos subiu, entre Março e Abril, sete décimas, dos 35,9 para os 36,6 por cento, sendo este novo valor mais de oito pontos percentuais superior àquele que se observava um ano antes (28,5), o maior aumento na União Europeia. 


Em termos gerais, o desemprego continua a sua trajectória ascendente em Portugal (era de 13,6 por cento em Outubro de 2011, 14,1 em Novembro, 14,6 em Dezembro, 14,7 em Janeiro deste ano, 14,8 em Fevereiro e 15,1 em Março) e a taxa é actualmente apenas inferior às de Espanha (24,3 por cento) e Grécia (21,7 em Fevereiro), estando a par da Letónia (dados do primeiro trimestre de 2012). 


E as medidas que este Governo tenta implantar para o crescimento económico, e por conseguinte criar empregos, tardam em surgir. Se é que alguma vez surgirão devido às crescentes medidas de austeridade que se anunciam por aí…. 


Ver a noticia clicando aqui

Sem comentários:

Obrigado Pela Sua Visita !