BANCADA DIRECTA: Os desalinhados no Bancada Directa. Estamos em Vila Viçosa com numerosas viaturas estacionadas em cima dos passeios. Mas cuidado! As aparências iludem! É tudo autorizado

quinta-feira, 17 de maio de 2012

Os desalinhados no Bancada Directa. Estamos em Vila Viçosa com numerosas viaturas estacionadas em cima dos passeios. Mas cuidado! As aparências iludem! É tudo autorizado

Vila Viçosa

O que se vê nestas duas fotos são situações correntes no dia a dia desta vila alentejana

Estas fotos são o motivo do nosso post. Situações permitidas pela autorização autárquica Viaturas que beneficiam do seu estatuto de estarem ao serviço da população, o que se compreende e se aceita..
Aqui é que o caso fia mais fino!


Na semana passada publicámos situações numa cidade alentejana, com os automóveis estacionados em cima dos passeios, em virtude da autarquia local ter autorizado, que em cima dos passeios fossem permitidos estacionamentos. E claro que o abuso surgiu por todo o lado, aumentando perigosamente a insegurança das pessoas que se servem desses passeios. A cidade em causa é Montemor-o-Novo 


Surge agora Vila Viçosa com as mesmas autorizações. Dispensamo-nos de publicar os inúmeros casos destes estacionamentos que não levam em conta a segurança dos peões. Alguns blogues publicam fotos de viaturas da GNR estacionados em cima dos passeios nesta vila alentejana, mas tal facto é permitido pelo consenso local dos estacionamentos. 


Claro que os peões são prejudicados na sua segurança. Mas não é um perigo evidente. No entanto a ultima foto já demonstra uma real ilegalidade desta viatura, pois está estacionada a menos de 5 metros de uma linha transversal contínua indicadora de uma passagem de peões. Só em “paragem” ou “imobilização forçada” (chama-se “detenção" da viatura a esta paragem, originada por circunstancialismos do transito, como por exemplo sinalização luminosa ou sinais dos agentes reguladores de transito) é que se permite esta situação. No resto tudo bem!


Contribuições 
Automóveis estacionados imediatamente antes do traço branco que antecede uma passadeira são um cenário muito frequente em Vila Viçosa. Esse traço está normalmente colocado a cerca de 2,5 metros do início da passadeira. Muitos automobilistas estacionarão logo antes do traço branco por acharem - mal - que este marca o limite a partir do qual o estacionamento é possível. Na verdade, o traço serve para outra coisa: para marcar o limite até ao qual um veículo tem de parar para deixar passar os peões na passadeira. 


Quanto ao estacionamento, quem quer que tenha aprendido o Código da Estrada, e não o tenha esquecido, sabe que é proibido estacionar a menos de 5 metros (antes) das passagens de peões. Esta e tantas outras regras entram no esquecimento dos condutores portugueses tempos depois de tirarem a carta. Uma medida muito útil de combate à sinistralidade rodoviária talvez fosse sujeitar os condutores cá do terreão luso a exames de código e/ou de condução de x em x anos. Quantos encartados chumbariam, não conseguindo renovar a carta à primeira?... 




 Artigo 49.º Proibição de paragem ou estacionamento 
 1 - É proibido parar ou estacionar: d) A menos de 5 m antes e nas passagens assinaladas para a travessia de peões ou de velocípedes; f) Nas pistas de velocípedes, nos ilhéus direccionais, nas placas centrais das rotundas, nos passeios e demais locais destinados ao trânsito de peões; 
3 - Quem infringir o disposto no n.º 1 é sancionado com coima de € 30 a € 150, salvo se se tratar de paragem ou estacionamento nas passagens de peões ou de velocípedes e nos passeios, impedindo a passagem de peões, caso em que a coima é de € 60 a € 300.


Nota: a ideia deste post e as fotos são do blogue "A Nossa Terrinha"

Sem comentários:

Obrigado Pela Sua Visita !