BANCADA DIRECTA: Valha-nos Deus! Ao que isto chegou. E preparem-se porque esta onda de assaltos ainda vai ter mais força.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Valha-nos Deus! Ao que isto chegou. E preparem-se porque esta onda de assaltos ainda vai ter mais força.

Onda de violencia em Lisboa e no Porto na última semana. Assaltos e sequestros.



O texto retiro-o de vários órgãos da Comunicação Social

Realizaram o roubo de um automóvel pelo método de carjacking, agrediram o proprietário do mesmo e foram perseguidos pela PSP ao longo do IC 19, provocando três acidentes. Quando foram interceptados, os agentes detectaram no interior, para além dos quatro assaltantes, uma mulher, de 52 anos, que havia sido sequestrada em Sintra. Foi um dos casos de ontem numa série de crimes violentos que atingiram Lisboa e Porto, com carjackings e assaltos a estações dos Correios.
Em Sintra, o roubo da viatura aconteceu domingo, às 22.15, na Rua Tristão Vaz, em Lisboa. O proprietário do veículo foi obrigado a entregar a viatura não sem antes ser ameaçado e agredido pelo grupo de quatro jovens, com idades entre os 18 e os 20 anos.

Ontem de manhã, pelas 06.00, quando efectivos da PSP efectuavam patrulhamento na Rua do Alto do Forte, em Rio de Mouro, concelho de Sintra, detectaram que uma viatura saía a grande velocidade de uma zona de terra batida e matagal, o que levantou suspeita. Pela matrícula e características do veículo, a polícia acabou por confirmar que se tratava da mesma roubada três dias antes e os agentes deram ordens de paragem ao condutor do veículo.

Os jovens desrespeitaram a ordem e fugiram, sendo perseguidos por diversas artérias do concelho de Sintra, ao longo de dez quilómetros. A fuga terminou no IC19, na zona de Queluz de Baixo, após a viatura furtada ter embatido em três automóveis que ali circulavam. A condutora de uma destas viaturas ficou ferida e teve de receber tratamento hospitalar.
A surpresa dos agentes aconteceu no momento da intercepção, em pleno IC19. Os quatro indivíduos agiram com agressividade durante a detenção mas, no interior do veículo, os agentes encontraram uma mulher visivelmente assustada e que tinha sido raptada e sequestrada pelo jovens na Avenida Fernando Pessoa, Serra das Minas, cerca de meia hora antes.

No Porto, um automobilista vítima de carjacking foi retirado da mala do seu automóvel, depois de ser sequestrado por um trio de assaltantes, encapuzados e armados de caçadeira, tendo viajado na bagageira do veículo durante algum tempo. A PSP encontrou o homem já abandonado pelos assaltantes, pelas 00.30, na Estrada da Circunvalação. À polícia contou que tinha sido assaltado, e ficado sem o Opel Astra, por um grupo de jovens que viajavam num Fiat Punto.

Pouco antes, dois outros roubos por carjacking tinham sido realizados também por três encapuzados armados. O primeiro, pelas 23.15, na Avenida D. Carlos I, na Foz, no Porto. Ameaçaram um automobilista com uma caçadeira que foi coagido a entregar o seu Smart. Pelas 00.15, na Avenida João Paulo II, em Gueifães, na Maia, um trio de assaltantes que se fazia transportar num Audi A4 roubou um BMW.

Ontem de manhã, houve três assaltos armados a postos de correios, dois na Maia e um em Matosinhos, aparentemente pelo mesmo grupo de três homens que se fazia transportar numa carrinha Ford Escort. O primeiro roubo ocorreu na estação de Castelo da Maia, às 09.10, seguindo-se postos de Nogueira da Maia e da Arroteia, em S. Mamede de Infesta.

1 comentário:

Anónimo disse...

É de facto uma situação lamentável e dificil de gerir.

Não conhecia esta espaço mas está muito bem conseguido.Tambem tenho um blog:
http://portuguesesnoestrangeiro.wordpress.com/

Se quiser podemos trocar links

Obrigado Pela Sua Visita !